2006-04-12


http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=3539&onde=2


Visitem este link. Já que entram e não são capazes de dizer, deixar, nem que seja um olá!... Se, sou egoísta?! Talvez... sabem, porquê??? Porque eu sou humana, enquanto andar por este planeta.
Bem gostaria de ser marciana, plutoniana, ou pertencer a outra galáxia, por mais que isso seja utópico, para algumas mentes que povoam este "terreno", eu gostaria bem de ser, mesmo desconhecendo o que "isso" possa ser.
Hoje, recebi um mail falando de maravilhas da minha "casa". Os cientistas andam a "vasculhar" e vão descobrindo, aquilo que desconheço, mas que creio, todos nós sabemos.

astronovas-subscribe@oal.ul.pt
e
http://www.oal.ul.pt/astronovas/galaxias/merge.jpg

Hoje, conversei com uma mente, que tem, bem metade do meu tempo terreno, e no entanto, ela sente o que eu sinto: uma impotência perante os nossos pares masculinos e, talvez, perante o caminho que escolheu para si.
Como é "bom" eu sentir que alguém, que tem 23 anos sente o mesmo que eu e acredita em si, como eu acredito.
E, sabem porquê? Porque tem sempre um rosto sorridente, uns olhos maravilhosos e que crê na tal "vida" que os humanos falam, desejam, mas... que no fundo não acreditam!!!!
E, tenho a certeza que acredita em si!
Cristo viveu neste planeta, como outros iguais a Ele. Mas o que as pessoas aprendem com ele? Amar???
Vós, outros, sabem amar?
Aceitam o próximo que está, aí, ao vosso lado? Aceitam???
Aprendem a compreendê-lo??? Se fosse um amigo, uma amiga, teriam todo o tempo e compreensão do mundo, mas como é o/a companheiro/a que estão fartos de aturar.... ufa! Que chatice! Lá vem ele/ela!
Onde está o "amor" que lhe tinham? A alegria que sentiam, quando chegavam perto um do outro? Que fizeram para manter acessa essa luz?
Mas, no entanto, agora enviam pps, uns para os outros, com lindas palavras, lindas frases, mas ali ao lado há alguém que quer o vosso amor... ou não, porque está no mesmo degrau que vós!
Vós que me conheceis, ou não, dizem... lá está a ana a refilar...
Sabem porque mencionei o link que se apresenta no início?
Porque fala daquilo que viveis, diariamente. Se vos dissesse que eu não sou assim, vós acreditarieis?????
Há pessoas que sabem que eu não fui daquela maneira com os meus filhos, porque o meu papel é de uma pedagoga, alguém que orienta, como alguém que conheço que diz que "devemos" ir ao lado, ou atrás, do outro, porque a função é amparar.
Amparar não é propriamente proteger, dar o que queríamos para nós. O outro precisa do que ele precisa, não do que consideramos que é a verdade.
A sua verdade é a tua? A vossa liberdade termina onde começa a do outro. Sabem como isso se vive?
Já ouço: mas quem és tu?????
Eu???
Não sou nada nem ninguém. Talvez umas palavras escritas, mais nada.
Porque é "pecado" lutar pelo que se quer? Porque as pessoas não o fazem e querem acreditar que isso é a verdade, têm que me mostrar que é o "correcto"??
Eu vivo como EU quero! Quem não têm essa coragem... Ou será que não vivem??? É difícil encarar que essa vontade, tenha sido a escolha mediana da paz? Uma escolha que inclui o sofrimento...
Não, não existe problema em escolher o sofrimento, se foi uma escolha consciente; talvez, não seja apaziguador, se essa escolha sofredora não tiver sido escolhida em consciência e responsabilidade. As sementes plantam-se e os frutos são, exclusivamente, nossos!
E, meus caros, não venham, para cima de mim, dizer.... - ah, ela fala, mas... tem telhados de vidro!
Sim, eu tenho limitações e lições de vida, mas a minha constante é essa: viver com integridade, e isso significa viver de acordo, em coerência com os meus princípios e valores. Não falo e vivo outra coisa.
E, sabem que estou, sempre, aberta a críticas, mas construtivas, porque a amizade é uma construção; não pedras que deixam marcas.
O desafio está lançado......

2 comments:

joão said...

Quando nascemos não escolhemos o nosso nome e, por principio, também não escolhemos a religião ou o colégio. A primeira decisão que fazemos consciente ou não são aquelas em que ouvimos o nosso coração. Na vida as decisões são feitas com o coração,que sejas feliz.
continua a ser tu mesma porque vale a pena. Admiro-te. Beijos

lucia said...

ninguem pode dizer não e considerar a sua opinião valida! ngm pode dizer é verdade ou é mentira podemos apenas defenir como verdade ou mentira certo ou errado a nossa opinião sobre as coisas e aquilo em que acreditamos de verdade se acreditamos em tal coisa para nós essa é a nossa verdade ! para quem acredita sim escolhemos o nosso nome os nossos pais escolhemos a vida, quem não viu para alem do horizonte e pensou que utupia maravilhosa eu acredito que possa ter sido assim a magia das coisas a verdade não está em tudo o que vemos mas nas coisas que crêmos na fé!
o meu deus é o meu eu superior e a ele eu me dirigo sempre que axo que tenho necessidade, concordo em tudo o que disseste animnhax!
mas axo que não vivemos como queremos não somos como queremos essa é a minha utupia tb , vivemos como podemos da melhor forma que nos deixarem viver, deus para nós tb são as pessoas que nos rodeiam !! beijinhox grandes!